#29 – Fechamento Anual de 2020!

31/12/2020 20 Por Papo TR

Falaaaaaa meu povo, tudo bom?        

To sumido daqui, foi mal, correria de dezembro como sempre, mas sem fechamento anual eu não deixo vocês sem rsrs.       

Vamos direto aos números e as reflexões que hoje tem bastante coisa pra atualizar, lembrando que aqui vai ser apenas sobre os meus investimentos, depois faço outra reflexão de 2020 sobre vida pessoal e outros.       

Rentabilidade dos investimentos em 2020: 21,2%       

Crescimento patrimonial (Aporte + rentabilidade) em 2020: 81,3%       

Destaques do ano:  

1º) Bitcoin, com uma valorização anual acima de 250% e histórica da minha carteira de 720%.  

2º) PetroRio, com uma valorização anual acima de 240% e histórica da minha carteira de 380%.  

3º) CardSystem, com uma valorização anual acima de 94% e histórica da minha carteira de 123%.  

4º) Vale, com uma valorização atual acima de 93% (comprei apenas na desvalorização da catástrofe de Brumadinho e nos Circuit Breakrs de março.  

5º) Investimento em Urânio, com uma valorização histórica de 72%.  

6º) IPOs, vou falar mais abaixo.       

Pontos positivos do ano: Esse ano tive vários acertos, mas acho que o principal de todos (e de longe) foi não ter ficado com medo nas quedas históricas de março e abril e, além disso, ter uma reserva de oportunidade pra comprar diversas empresas naquela época. Vendi lá? Vendi, eu tinha cotas do fundo Alaska que caiu mais de 70% e decidi me desfazer dele pra fazer minhas próprias compras. Comprei ITSA4 a R$ 8, comprei VALE3 a R$ 30, comprei SQIA3 há R$ 13, comprei PRIO3 a R$ 12, R$14, R$ 15. Fui as compras mesmo, comprei tudo que já estava na minha carteira, comprei de tudo um pouco e de algumas muito hehe.       

Outro acerto de 2020 (mas que ainda não posso comentar muito porque ainda falta muito caminho pra esse investimento) foi ter colocado mais dinheiro na tese do urânio. Já vinha investindo desde começo de 2019 mas refiz os estudos em 2020 e basicamente dobrei minha posição. Continuo firme na tese, até o nosso Brasilzão está injetando dinheiro em Angra 3 hehe, a cada dia que passa a tese se reforça mais ainda pro lado positivo.       

Outro acerto de 2020 que também não posso falar muito é o Bitcoin. Tenho BTC desde 2016 e continuo segurando ele, esse ano li mais livros sobre essa tecnologia e cada vez me fixo mais em segura esse ativo por um bom tempo. Fiz mais algumas compras esse ano, mas não foram grandes aportes.     

Outro grande feito foi ter estudado e analisado mais os IPOs. Sério, fico meio pra baixo quando muita gente critica os IPOs falando que não se deve entrar. Bem, investimento é pessoal e na minha visão ficar fora de alguns IPOs é o mesmo que perder oportunidades, não é não Aposente Cedo em AirBnb?! Esse ano entrei em 4 IPOs, foram eles: Petz, Ambipar, Meliuz e Aeris. Destes TODOS estão positivos (é bull market então não é mérito meu) com destaque pra CASH3 e pra AERI3 que subiram mais de 50% em 1 mês.       

Por fim, não é um destaque, mas continuo firme e forte e ganhando experiência nesse ramo é com as opções. Apesar de perde grande parte da valorização da VALE3 e da WEGE3 nesse fim de ano e ter amargurado um prejuízo de mais de R$ 3000,00 sigo firme com minhas venda cobertas e em algumas travas, saio positivo com opções e mais animado ainda com essa modalidade de investimento.       

Agora vamos pros destaques negativos né hehe  

1º) Comprei IRBR3 a R$ 15,00. Já tinha analisado a empresa, já tinha comprado e já tinha vendido ela com um bom lucro. Quando ela caiu muito naquele escândalo de fraude e do Warren Buffett eu não pensei muito nem analisei também, meu cérebro falou por si só: “é uma oportunidade, compra!!” e eu fui e comprei um lote. Bem, vendi ela a R$ 7,00 ciente do meu erro e do aprendizado que levei com isso.  

2º) Coloquei na cabeça que comprar uma cota de um fundo é comprar a cabeça do gestor. Gosto muito do Henrique Bredda e do Fundo Alaska e comprei nessa mentalidade, mas eu vi que eu sou muito ativo, eu gosto de analisar e comprar, gosto de remanejar e fazer balanceamentos. Então um ponto negativo foi ter investido no fundo dele sem ter perfil pra isso, eu fui contra o meu perfil de investidor e o resultado foi amargurar 40% de prejuízo quando vendi as cotas. Aprendizado (sempre).  

3º) Finamente amargurei “prejuízo” na venda coberta, foram meses e meses só positivo mas quando ele veio ele veio forte. Fiz venda coberta de VALE, PETR e WEGE e as 3 subiram forte nesses últimos meses e vi minhas opções vendidas custarem caro pra ser recompradas. Decidi aprender com isso e de agora em diante quando o valor da ação bater o strike já vou rolar, não vou ficar a mercê do mercado. Além disso, apesar dessa episodio aparentar prejuízo, na verdade eu lucrei com todas as operações, eu só deixei de lucrar mais, como foram strikes OTM acima de 10% de valorização eu ganhei legal, mas não deixa de ser um sentimento ruim quando vai recomprar as opções ou entregar as ações por R$ 65 quando valem R$ 80 hehe.  

4º) Continuo gastando muito tempo com esse hobby, prometi que ia diminui meu ritmo de imersão nos investimentos mas na verdade só diminui o ritmo de livros, continuo lendo muito, acompanhando muito e vendo muito conteúdo sobre. Desejo me forçar a diminuir mais ainda esse convívio diário com esse ramo de conhecimento.       

Vamos pras ações que andaram de lado esse ano: MDIA3 (MDias Branco) , famoso “erro” de 2016 que carrego até hoje, só patina essa aí. CRFB3 (Carrefour) que caiu bem com as últimas notícias (comprei mais hehehe) e, por último, FLRY3 (Fleury) que também está patinando, mas continuo firme nela.

Fazendo o somatório de tudo isso só tenho a dizer que esse ano eu fui muito feliz nos investimentos, mas fico mais feliz e contente não é com a minha carteira em si, mas sim com as pessoas que ajudei a entrar nesse mercado. Em abril eu criei meu canal de YT e ,apesar de estar parado agora, conheci muita gente que consegui ajudar e pude sentir a gratidão deles. Fora das redes sociais eu ajudei no total de 10 amigos e familiares a investir mais. A maioria deles ensinei desde o básico de renda fixa até o iniciozinho (ou mais) de renda variável e trilhei os caminhos que eles deviam seguir. Um deles é um grande amigo meu que ajudei até a definir as porcentagem da carteira dele e onde deveria aporta, recebe o agradecimento deles em dezembro agora (todos felizes com essa alta maluca) é muito gratificante, mas sempre alerto pra eles ficarem espertos porque renda variável NUNCA é uma reta pra cima. Além disso também estou gerindo a carteira da minha irmã e da minha afilhada (tem 2 meses agora e vamos entregar o dinheiro com 18 anos) e já estou ajudando outros conhecidos (minha prima até fala pra eu abrir uma assessoria oficial hahaha).  

Bem, é isso, espero que estejam todos bem e já deixo um Feliz Ano Novo pra todo mundo e foco e disciplina nas suas vidas. Façam o de sempre aí embaixo, comentem, critiquem, elogiem, tenho sempre muito ainda pra aprender com todos vocês.  

Abraços a todos!  

TR  

PS.: Na verdade eu só queria levar mais gente pro mercado pra B3 ganhar mais com isso e eu ganhar mais com ela MUAHAHAHAHA!