#13 – Custo de Vida para Morar em SP Sozinho

11/08/2020 34 Por Papo TR

Fala galera, beleza?

Hoje vou tentar mostrar quanto que precisa pra morar na Zona Norte de SP e qual é o custo de vida dessa localização. Sei que muita gente tem curiosidade pra saber quanto são os custos de São Paulo por ser uma cidade cara e desejada. Lembrando que todos os custos e gastos que vou colocar nesse post são pessoais e baseados apenas na minha experiência, isto é, é só uma exemplo, uma noção do que pode ser.

Pra quem não sabe eu já moro em SP tem um bom tempo, mas antes eu dividia AP com duas pessoas e eu decidi voltar a morar sozinho por questões pessoais, mesmo gastando mais com isso e indo pra um local mais longe, com menores opções e regalias.

Vamos primeiro para os gastos fixos com a moradia em si, isto é, o apartamento e os custos mensais. Meu apartamento tem uma metragem de 42 m², tem um quarto, uma sala, um banheiro e uma cozinha, não tem varanda nem área de lavagem ou estender roupa, nada disso. É um apartamento bem simples e eu estou gostando bastante dele. Alguns dos meus amigos podem considerar ele pequeno, mas pra dizer a verdade é até mais do que preciso morando sozinho.

Custos Fixos com moradia: É basicamente o que eu gasto por mês simplesmente por morar em SP em um local privado. Sempre terá esses custos eu estando de fato usando o Ap ou não.

Valor do aluguel: R$ 1550,00
Valor do condomínio: R$ 210,00
Conta de luz: ~R$ 60,00
Conta de gás: Não tem, uso botijão
Conta de água: Incluso no condomínio
Conta de internet: ~R$ 109,00 (Vivo Fibra)

Porém quando me mudei pra cá eu não tinha basicamente nada de móveis, tinha minhas roupas e o meu computador basicamente, então vamos aos gastos com mobílias:

Geladeira: R$ 1100,00
Microondas: R$ 250,00
Fogão: R$: 300,00
Máquina de lavar: R$ 900,00
Sofá: R$ 850,00
Mesa: R$ 300,00
Cadeira: R$ 760,00
Colchão (sem a cama): R$ 350,00
Guarda roupa: R$ 670,00
Apetrechos de cozinha (pratos, panelas, talheres): ~R$ 300,00

(Decidir não colocar os centavos certinhos por motivos de sugou!)

Curiosidade triste: Meu prédio tem 3 andares e eu moro no último. Como ele é pequeno não tem elevador e somente escada. Maaasss a maldita da escada é muito estreita e fez com que o box da minha cama não subisse e quase fez com que o sofá não subisse também. Foi um puta rolo pra fazer essa mudança.

Pois então, Ap montado, mudança feita, custos fixos instalados, vamos aos variáveis. Aqui entra um parâmetro mais pessoal ainda, pois é a minha vida, meus gastos, meus costumes, meus gostos, minha frugalidade, tudo meu, acho que deu pra entender né?! Vamos aos números então:

Alimentação (supermercado, padaria, açougue): ~R$ 1020
Assinaturas (Amazon Prime, Netflix, etc): ~R$ 70
Gastos com transporte (metrô e Uber): ~R$ 80
Gastos com saúde: ~R$ 250
Gastos com família: ~R$ 200
Gastos pessoais (presentes, itens que quero, cursos, estudo, trabalho, bares): ~R$ 300

Lembrando que esses gastos são custos médios mensais dos últimos 12 meses.

Resumindo então esse post expositivo número:

Móveis para o Apartamento: R$ 5780
Custos Fixos Mensais: ~R$ 1929
Custos Variáveis Mensais: ~1920

Portanto, se você pretende morar sozinho em SP num bairro considerado bom e perto da qualidade de vida que eu tenho então tem que ter por volta de 6k pra comprar os móveis, e gastar quase 4k por mês pra sustento. É muito? É pouco? Depende, tudo depende.

Eu conseguiria facilmente me mudar pra um apartamento mais barato, mas seria mais longe e teria que ir de transporte pro trabalho e não a pé. Considero ir a pé pro trabalho uma vantagem tremenda então aceito pagar a mais por isso. Daria pra diminuir os custos fixos de 2k por mês pra uns 1,5k mais ou menos.

Outro fator, eu tenho a vida que quero, não “me nego” nada mas também não sou gastador. Quero comprar? Eu compro, mas minha alma frugal sempre olha o preço e faz a aceitação do produto ou não. Consigo viver com menos que isso? Hell yeah! Caso queira consigo diminuir um monte de coisa e viver apenas com 1k a 1,2k mensais, tudo é questão de escolha, estou satisfeito com meus gastos de vida atual e com o que guardo pra investimentos, lembre-se sempre de tentar equilibrar, a vida é agora, no presente, mas o futuro é o presente de amanhã então não podemos ser tão “Carpe Diem” assim.

Pra quem estava curioso está aí os números. Mas antes de dar tchauzinho queria dizer que estava pensando em mudar o nome do blog. Quando criei esse blog o objetivo era complementar o canal no Youtube com informações de investimentos, por isso criei com esse nome bosta. Porém, o blog é muito mais uma ferramenta  pessoal minha como muitos outros blogs por aí do que um blog de informações de investimento mesmo (que é o que o nome sugere), então estava pensando em mudar pra um nome mais pessoal, mais reservado, apenas pra manter minhas postagens toscas de vez em quando, trocar ideia com vocês e os desabafos e críticas de sempre que fazemos por essa finasfera, o que vocês acham? Comentem aí

Basicamente é isso, ficamos por aqui! 

TR